Seu filho está de férias e você não; saiba como administrar o tempo da família

Da redação

05/01/2016 às 11h20 - terça-feira | Atualizado em 22/09/2016 às 16h02

Muitas crianças já estão de férias escolares. A casa dos avós é o destino de muitas delas. Viagens em família é a opção de outras. 

Porém, há aqueles pais que têm que manter as crianças em casa e ir trabalhar, sendo bastante comum se preocuparem com a administração do trabalho e em proporcionar atenção e lazer aos filhos. No período em que estão casa, as crianças precisam ficar sob a supervisão de um adulto, sempre!

Shutterstock

Especialistas recomendam que o ideal é a criança, desde pequena, entender por que os pais precisam trabalhar fora. Quando estão com mais idade, compreendem melhor a ausência dos responsáveis no período das férias escolares.

Não é fácil estar "presente" quando não se está em casa, mas não é impossível. Segundo a psicóloga Cristina Milanêz Werner há muitas maneiras de driblar essa situação. Deixar um bilhete na geladeira, por exemplo, é uma das mais antigas. Um dos fatores que prejudicam a qualidade do tempo vivenciado entre pais e filhos é a culpa que alguns responsáveis assumem. É comum, conforme a especialista, os pais acharem que estão em falta com os filhos.

Shutterstock

Utilizar o tempo da melhor maneira é fazer com que ele seja proveitoso para os dois lados. Não adianta os pais chegarem tarde, cansados do trabalho e, só porque os filhos estão de férias, ficarem horas com eles numa brincadeira. "Priorize o tempo para os fins de semana e realize atividades que comumente não se fazem", orientou ao Portal Boa Vontade, a psicóloga Cristina Milanêz Werner.

No período em que os filhos estão de férias, os pais podem ser um pouco mais tolerantes em relação aos horários. É possível deixá-los mais tempo no computador, no futebol, dormir um pouco mais tarde. Sempre deixando claro que essas "regalias" são possíveis apenas por causa das férias e que, depois desse período, as regras precisam ser cumpridas.