Como proteger as crianças e os jovens dos perigos do mundo?

O presidente-pregador da Religião de Deus, do Cristo e do Espírito Santo, José de Paiva Netto, ensina que “Administrar é chegar antes”.

Da redação

13/10/2017 às 10h33 - sexta-feira | Atualizado em 13/10/2017 às 14h41

Muitos são os desafios enfrentados pelas crianças e pelos jovens atualmente, mesmo que alguns desses problemas sejam diferentes do “mundo dos adultos”. Além daqueles que já são próprios da idade, naturais, eles também têm se deparado com questões relacionadas à violência, ao bullying, às drogas, à erotização precoce e à depressão, por exemplo, que, em casos extremos, podem chegar ao suicídio na infância ou na adolescência.

Violência gera violência: contra o bullying, pela cultura de paz
Cyberbullying: a violência virtual que machuca mais que uma surra
Saiba o que é erotização infantil e como evitá-la
Entenda por que a depressão tem atingido cada vez mais crianças

Essas situações, muitas vezes, são agravadas pelo medo, frustração e falta de esperança no futuro, visto a quantidade de notícias e situações pelas quais têm acesso nos noticiários ou vivem no seu dia a dia.

Shutterstock

Como protegê-los desses perigos tão reais e velozes? O presidente-pregador da Religião de Deus, do Cristo e do Espírito Santo, José de Paiva Netto, ensina que “Administrar é chegar antes”. E o Portal da Religião Divina fez um interessante texto, que sugerimos a todos vocês, para mostrar a pais e responsáveis por que agir a tempo e certo. Dessa maneira, é possível fazer com que os mais jovens evitem ou superem as situações difíceis da vida. Para lê-lo, basta clicar aqui. o/

Dedicamos a você, amigo e amiga do Portal Boa Vontade, uma boa leitura! o/