LBV e Religião Divina participaram da famosa Lavagem do Bonfim

As duas Instituições levaram a Majestosa Estampa de Jesus, o Cristo Ecumênico, um presente de José de Paiva Netto ao povo baiano.

redação

12/01/2023 às 09h58 - quinta-feira | Atualizado em 12/01/2023 às 19h50

Lucas Rodrigues

Os Festejos do Senhor do Bonfim são a segunda maior manifestação popular da Bahia. A festa secular retorna às ruas depois de dois anos de pandemia da Covid-19 e reuniu, mais uma vez, representantes de diversas religiões, turistas, as convencionais baianas e várias autoridades.

Realizada na cidade de Salvador, a programação dos festejos começou no dia 5 e vai até 15 de janeiro. A famosa lavagem das escadarias da Igreja do Nosso Senhor do Bonfim ocorreu nesta quinta-feira, 12.

A Legião da Boa Vontade e a Religião de Deus, do Cristo e do Espírito Santo pelo 30º ano participaram do evento, levando a Majestosa Estampa de Jesus, o Cristo Ecumênico, um presente do presidente e presidente-pregador das Instituições, José de Paiva Netto, aos participantes das festividades. Ele que é filho e neto de baianos. 

Desde cedo, milhares de fiéis já se concentravam no local para esta festa que contempla a fé, a união e o fim da intolerância religiosa. Em 2014, ela recebeu o título de Patrimônio Imaterial Nacional.