Conheça a síndrome da visão relacionada ao uso excessivo do computador

Nathan Rodrigues

31/01/2017 às 15h03 - terça-feira | Atualizado em 01/02/2017 às 17h29

Uma pergunta rápida e objetiva: quanto tempo você fica de frente para a tela de um computador? Se a resposta indicar um período considerável de seu dia, é hora de começar a se preocupar com a saúde dos seus olhos.

O uso excessivo do PC causa uma série de problemas à vista e muitos desses sintomas já foram reunidos por especialistas, dando origem a uma nova doença, chamada de síndrome da visão relacionada a computadores (CVS, sigla em inglês). E se você está pensando "ixi, nunca ouvi falar!", há um motivo para isso. A nomenclatura é relativamente nova. Esse problema é mais um dentre os muitos que surgiram com o avanço da tecnologia.

time.com

Perdão pelo trocadilho, mas é bom ficar de olho nessa doença, tá? =D

Entendendo o problema

A síndrome da visão relacionada a computadores pode afetar qualquer pessoa que passe, com frequência, mais de duas horas de frente para o PC. Explicamos o porquê: como os monitores são constituídos de pixels ~ aqueles pequenos quadrados coloridos na imagem, usados como parâmetro para a resolução do aparelho ~, fazemos um esforço danado para conseguir foco. E esse trabalho para enxergar de maneira definida as imagens e os textos gera uma tensão daqueeeelas nos músculos do olho.

Shutterstock
A síndrome da visão relacionada a computadores apresenta, como sintoma, dores de cabeça frequentes, ressecamento dos olhos e ardência.

Imagine o cansaço que toma conta de suas pernas após uma atividade física. Pois é, o mesmo acontece com os seus olhos. #Eita!

A tensão causa ardência, vermelhidão e dificuldades em focalizar a imagem, dor de cabeça constante, além de desconforto em ambientes mais iluminados. A diminuição de piscadas, motivadas pelo esforço feito para focalizar, também contribui para o agravamento do quadro. Como a função das piscadas é lubrificar o olho, a visão fica mais ressecada.
 

Para fugir das estatísticas

Shutterstock
Para se livrar da síndrome, basta tomar alguns cuidados simples.

Você passa tempo demais de frente para o monitor por conta do trabalho ou qualquer outra atividade e não quer integrar essa estatística? Cuidados simples bastam para que não engrosse essa lista. Olhe só:

Atenção à postura! O mal posicionamento pode acelerar o processo de vista cansada;
— Não deixe ar-condicionado ou ventiladores apontados para seu rosto. Ambientes com pouca luz também contribuem para que seus olhos cansem mais rápido;
Dê preferência a telas de LCD. Elas apresentam melhor resolução e iluminação, cansando menos seus olhos;
— Pisque, mesmo que voluntariamente. Ao lubrificar os olhos, você impede alguns dos sintomas da síndrome;
Estipule pausas. Caso use o computador por uma hora, por exemplo, tire 10 minutos para descansar a vista;
— Saiu do PC? Não corra para a televisão ou para a estante de livros! Procure tarefas leves e relaxantes, que exijam menos da visão.

#BoraCuidar

A síndrome oferece riscos à saúde dos nossos olhos, mas é tratável. Com um acompanhamento médico ~ que pode incluir o uso de colírios especiais para evitar o ressecamento dos olhos e lentes para corrigir a visão ~ e a adoção dos cuidados que citamos anteriormente, aliados, é  claro, ao uso mais moderado do computador, tudo estará resolvido! ;)

Contudo, se a doença não receber o tratamento adequado, poderá se desenvolver para um quadro muuuito mais complicado, como a presbiopia. Ela normalmente surge durante o envelhecimento, mas pode ser antecipado por conta do uso excessivo e contínuo do computador.