Empresária cultural Eva Sopher retorna à Pátria Espiritual

A LBV e seu diretor-presidente enviam as mais sinceras vibrações de Paz ao Espírito Eterno da querida Dona Eva.

Da redação

08/02/2018 às 08h38 - quinta-feira | Atualizado em 08/02/2018 às 10h37

A empresária cultural Eva Sopher, uma das grandes representantes da cultura gaúcha e brasileira, retornou à Pátria Espiritual, na noite desta quarta-feira, 7, aos 94 anos.

Júlio Cordeiro

Nascida em 18 de junho de 1923, em Frankfurt, na Alemanha, Dona Eva, como era conhecida, se mudou para o Brasil ainda criança, para fugir do nazismo. Foi chamada, no ano de 1975, para coordenar a restauração e reconstrução do Theatro São Pedro, que havia sido fechado dois anos antes devido à falta de segurança no prédio.

Desde a reabertura, ocorrida em 1984, o teatro segue com intensa programação, resultado dos esforços de Dona Eva e da Associação dos Amigos do Theatro São Pedro. Ela seguiu à frente da administração, dedicando-se, a partir de 2003, ao Multipalco, projeto que já conta com mais 18 mil m² de área construída.

O Governo do Rio Grande do Sul decretou luto oficial de três dias.

NOITE CULTURAL EMOÇÕES E MEMÓRIAS

Dentre as históricas apresentações ocorridas na Casa está o Espetáculo Noite Cultural Emoções e Memórias, ocorrido em 20 de junho de 2006. O evento iniciou as comemorações dos 50 anos de trabalho de Paiva Netto na Legião da Boa Vontade e teve Dona Eva como anfitriã. Sob a regência do maestro Antônio Carlos Borges Cunha, o concerto apresentou obras de Paiva Netto, um dos compositores que mais vendem no Brasil. Personalidades, autoridades, convidados, simpatizantes e o Povo em geral compareceram à festa para saudar.

João Areis Preda
Eva Sopher em fraterno encontro com o diretor-presidente da LBV, José de Paiva Netto.

A apresentação da Orquestra de Câmara do centenário teatro e Coral Ecumênico LBV trouxe alguns dos sucessos do compositor, como Deus é a Nossa Fortaleza, trecho do Oratório “O Mistério de Deus Revelado”, e Deus é a Minha Força, além da obra inédita Ave, Maria! Mater Jesus, dedicada ao Brasil. Apesar de ter sido composta na década de 1980, sendo uma das primeiras Ave, Marias! escritas por ele, só foi apresentada ao público, em latim, naquela ocasião.

Dona Eva congratulou o diretor-presidente da Legião da Boa Vontade pela especial marca, cumprimentando ainda toda a Família Legionária que lotou o espaço. “É um grande prazer, uma honra para nós, receber no Theatro São Pedro, nessa data tão especial, Paiva Netto e todos da Legião da Boa Vontade. A casa é centenária e é o templo da cultura do Rio Grande do Sul”, disse.

LAÇOS DE AMIZADE

Os laços de amizade com a LBV foram fortalecidos no decorrer dos anos e Dona Eva visitou, em maio de 2009, o Centro Comunitário de Assistência Social Alziro Zarur — o Templo da Natureza e da Criança, localizado em Glorinha, RS.

Calorosamente recebida com o canto e a alegria das crianças que integram o Coral Ecumênico Infantil LBV, composto por meninas e meninos atendidos pela Instituição. Na oportunidade, a dama da cultura foi presenteada com um quadro artesanal confeccionado pelas próprias crianças, além de uma cesta com produtos coloniais ali produzidos. 

Liliane Cardoso
Eva Sopher também foi homenageada, em 2011, pelas crianças da LBV com um buquê de flores e um cartão pela passagem de seu aniversário.

“Fiquei surpresa, encantada. Realmente o trabalho da LBV é magnífico; a recepção das crianças foi muito especial, simpática. É sempre uma alegria ver as crianças com essas carinhas queridas, como aqui demonstraram e cantaram com tão Boa Vontade. Esse local realmente é muito lindo! As acomodações das crianças são maravilhosas, a limpeza é 100%, a disciplina me agrada muito; com certeza, daqui sairão completamente diferentes de quando entraram, o que é muito positivo. Nada melhor do que dar educação às crianças.”

A Legião da Boa Vontade e seu diretor-presidente, José de Paiva Netto, enviam as mais sinceras vibrações de Paz ao Espírito Eterno de Eva Sopher, nossa querida Dona Eva, extensivas aos familiares, amigos e admiradores de seu trabalho.